domingo, 27 de julho de 2014

PAVÊ DA TIA CESARINA





Eu quando era pequena e já gostava de cozinha, fui fazer uma visita ao Ceará a terra natal de meu pai e em Aratuba no Sítio Flexeiras eu conheci a tia mais maravilhosa que alguém poderia ter e das mãos dela eu provei a sobremesa mais espetacular que eu já tinha comido em toda minha vida de 10 anos de idade. Foi lá no interior do Ceará, preparada pela minha tia Cezarina, casada com o irmão mais velho do meu pai o tio João, que aprendi a fazer o esse Pavê que até hoje eu faço. Essa receita da minha tia linda é base para muitas das minhas sobremesas. Cada uma de nós, das minhas primas as netas dela, faz esse pavê. Uma recordação que eu guardo da minha tia amada com muito carinho e essa é a minha maneira de faze-lo e também uma homenagem a ela.

Medida do Pirex retangular: 26 cm comp X 6 cm larg X 5 cm alt

INGREDIENTES:


1 lata de leite condensado
A mesma medida da lata de leite de vaca (300 ml)
4 gemas eu gosto de retirar as películas use uma peneira para facilitar o processo.
1 colher de sopa rasa de amido de milho (Maisena)
200 gr de biscoitos maisena (use o pacote inteiro de biscoitos maisena)
100 a 150 ml ou quanto baste de leite de vaca para molhar os biscoitos maisena 
2 colheres de sopa de Nescau em pó (pode ser chocolate mas terá de adoçar)
Rum é opcional e a gosto. Eu uso 100 ml de Rum e a quantidade de leite tem de ser diminuída, mas eu gosto puxado no Rum, então experimente para ficar no seu gosto.
400 ml de creme de leite ou 2 caixinhas (pode usar creme de leite fresco é ainda melhor, comprado no supermercado fica na geladeira)
1 colher de sopa de açúcar

OBS: Antes de começar a fazer o pavê coloque o creme de leite na geladeira na parte mais fria ou no congelador. Vigiando para que não congele, pois quanto mais gelado estiver o creme de leite, melhor para o procedimento da receita.

MODO DE FAZER:


Separe as gemas das claras e retire as películas das gemas com auxílio de uma peneira. Isso evita aquele cheiro desagradável de ovo no preparo.


Numa panela de preferência com revestimento anti aderente, junte a lata de leite condensado, as gemas, a mesma medida da lata de leite condensado de leite de vaca e o amido de milho. Misture bem.


Leve ao fogo moderado mexendo sempre, sem parar até que levante fervura e engrosse. O mingau (creme) não pode encaroçar.


Despeje o creme no pirex e reserve.


Num prato fundo ou vasilhame de vidro coloque o leite e as duas colheres de sopa de Nescau (se usar o achocolatado ou chocolate deve adoçar a gosto) e misture bem. Se for usar o Rum junte o rum e misture. Disponha o pacote inteiro de biscoitos maisena noutro vasilhame para que fiquem bem em mãos e comece a molhar os biscoitos generosamente e arrumar no pirex sobre o creme.


Faça camadas até que os biscoitos maisena se acabem e coloque algumas colheradas de leite por cima das camadas de biscoito.



Creme de leite industrializado:
Tire o creme de leite da geladeira e bata na batedeira em velocidade máxima para aumentar de volume e encorpar um pouco, então adoce com uma colher de sopa de açúcar e bata só para misturar e cubra os biscoitos maisena no pirex.
Creme de leite fresco:
Se o creme de leite for fresco, basta bater na batedeira para como chantilly e junte a colher de açúcar bata só para misturar então cubra os biscoitos maisena no pirex.

OBS: O creme de leite industrializado não fica batido como para chantilly porque no processo de industrialização ele perde lactobacilos e microrganismos que permitem esse processo e por isso também não azeda contém estabilizantes, acidulantes etc... 




Decore a gosto. Eu usei amendoins quebradinhos, mas pode usar também castanhas caju ou deixar lisinho fica lindo!
Leve a geladeira antes de servir. Cubra com papel alumínio ou filme de pvc só depois que a camada branca ficar firme.

OBS: Não é necessário deixar no congelador. Esse pavê não derrete é de consistência firme. Mas deve ser servido bem gelado. 




Vai um pedacinho aí????

sábado, 19 de julho de 2014

BOLO FORMIGUEIRO MESCLADO COM COBERTURA CROCANTE






Olá amigos hoje eu venho deixar aqui para vocês essa receitinha de Bolo Formigueiro mesclado. Dizem que o bolo formigueiro surgiu durante o período colonial, nas grandes fazendas do interior de Minas ou no Nordeste, não se sabe ao certo. O certo é que, mesmo é que esse bolo é uma delícia. Diz a lenda que alguém quis aproveitar sobras de chocolate, então picotou e colocou dentro da massa antes de assar. Eu fiz esse a minha moda e coloquei uma cobertura para ficar mais gostosinho eu mostro como.


INGREDIENTES: Medida da xícara 250ml


Usei forma de 26cm de diâmetro untada e enfarinhada.


5 ovos
1/4 xícara de óleo de soja ou girassol
1 xícara rasa de água
2 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar rasas
1 colher rasa de sopa de fermento químico em pó
1 xícara de chocolate granulado eu usei 130 g de chocolate granulado
+ ou - 2 colheres de sopa de Nescau para polvilhar na massa do bolo

OBS: quando falo rasa é porque a medida certa é rasada. Não se pode deixar aquele pompom em cima da medida, então isso é rasa. E nem se pode bater muito a xícara numa superfície dura para o ingrediente ficar socado dentro da xícara. Senão, mesmo que você não faça o pompom na xícara ou na colher de medida, o ingrediente nas mesmas terá uma concentração maior e vai ultrapassar a medida certa.

COBERTURA:


1 xícara de açúcar
2 colheres de sopa de margarina
2 colheres de sopa de leite
2 colheres de sopa de Nescau

MODO DE FAZER: O BOLO


No liquidificador junte todos os ingredientes líquidos, os 5 ovos,1/4 xícara de óleo, 1 xícara rasa de água.


Numa bacia peneire o açúcar com a farinha de trigo e o fermento.



Misture bem.


Com auxílio de uma xícara vá adicionando a mistura da bacia ao liquidificador.

Liquidifique aos poucos sem problemas, porque a receita é muito líquida e não vai haver resistência do seu liquidificador, mas mesmo assim vá juntando aos poucos os ingredientes da bacia. Liquidifique até ficar uma massa uniforme, mas não bata demais, porque o bolo pode crescer muito por causa dos ovos. Já aqueça o forno em temperatura máxima.


Junte o chocolate granulado mexa e despeje na forma em 2 vezes, pois vai ter que fazer o mesclado.


Polvilhe com a ponta dos dedos ou com auxílio de uma colher o Nescau em pó no bolo em forma circular.


Faço mesmo com o restante da massa.







Mexa com uma colher sem encostar nem no fundo e nem nos lados da da forma só para fazer o mesclado.
Asse em forno pré aquecido em temperatura alta por 10 minutos e quando colocar o bolo reduza a temperatura para 205° graus e asse por 30 minutos até que enfiando um palito este saia limpo.



Eu coloquei num prato mais estreito, mas se você puder usar mais largo fica melhor para aplicar a calda.

FAÇA A CALDA:


Junte os ingredientes da calda numa panela e leve ao fogo moderado mexendo sempre. Já deixe o bolo furadinho com garfo antes de fazer a calda pois ela seca rápido e fica dura.

Deixe ferver e continue mexendo por mais um minuto apenas. Se espessar demais ficará muito dura.

Aplique logo no bolo essa calda seca rápido, então esteja com o chocolate granulado logo em mãos se quiser decorar o bolo,. Despeje a calda quente por cima do bolo e com auxílio de uma espátula de silicone contorne o bolo rapidamente, para ter cobertura logo por cima. Depois a cobertura que escorrer você sobe aos lados do prato com a espátula em movimentos de baixo para cima. Aplique imediatamente o granulado por cima pra colar antes que calda esfrie e este não grude. Depois trabalhe dos lados e finalize com o granulado ao redor do prato e limpe as bordas, mas a essa altura a cobertura já estará seca.

OBS: O bolo feito na assadeira retangular fica mais fácil de aplicar essa calda e fica excelente gente! Faz uma casquinha demais! O tamanho médio de assadeira fica bom.









domingo, 22 de junho de 2014

BOLO DE CHOCOLATE SEM FARINHA COM CALDA DE BRIGADEIRO









Olá amigos queridos que vem aqui me visitar e ver minhas receitinhas. Hoje eu coloquei esse bolo fantástico sem farinha de trigo, que eu tenho a receita há muitos anos. Ele é rápido e fácil de fazer principalmente, porque é de liquidificador. Fica uma massa tão fofa e tão homogênea que até para confeitar é mais fácil. Eu faço um brigadeiro mole e jogo por cima ... nem imaginem como fica...façam. Dá um belo bolo de aniversário, sem perigo de erro. Excelente para qualquer comemoração. 30 minutos na cozinha que tal?

INGREDIENTES:
Usei forma de 26 cm de diâmetro bem untada (só untada, não leva farinha)




6 ovos se forem pequenos use 7
100 g de coco ralado seco desidratado sem açúcar
100 g de margarina vegetal
6 colheres de sopa de açúcar
6 colheres de sopa de Nescau (achocolatado em pó com açúcar)
1 colher de sopa de fermento em pó químico

Não - Não leva leite, não leva farinha de trigo.

COBERTURA: 
1 lata de leite condensado
100 ml de leite de gado
3 colheres de sopa de Nescau (achocolatado em pó com açúcar)
1 colher de sopa de margarina vegetal

MODO DE FAZER:



No liquidificador junte os ovos, a margarina, o açúcar, o Nescau, o coco ralado e o fermento em pó.



Mexa tudo muito bem com uma espátula e com o liquidificador desligado e então liquidifique. Certifique-se que nas laterais do liquidificador não agarrou ingredientes sem liquidificar, se aconteceu, desligue o liquidificador da tomada e mexa com a espátula para incorporar tudo à mistura e dê mais uma liquidificada rápida, até que fique uma mistura totalmente uniforme.


Despeje a massa na forma untada. E asse em forno pré aquecido em temperatura alta por 10 minutos e quando colocar o bolo reduza a temperatura para 205° e asse por 35 minutos. 

OBS: o bolo assa rápido e é tão sensível quanto pudim. Ele vai subir e depois abaixar um pouco observe que ele fica retinho depois.


FAÇA A COBERTURA:


Depois de assado desenforme e coloque no prato de destino.


Fure o bolo muito bem com auxílio de uma garfo nas laterais e em cima.



Numa panela leve os ingredientes da calda ao fogo brando mexendo sempre. O brigadeiro vai subir quando a mistura ferver, porque tem leite vá controlando a temperatura do fogo para não derramar e não queimar. O ponto é de brigadeiro mole, engrossa um pouco, mas não aparece o fundo completamente da panela. Retire do fogo logo e aplique no bolo já furado. porque o brigadeiro mesmo sendo mole vai endurecer um pouco mais depois.



 
Depois eu decorei a borda superior com chocolate granulado. Com uma colher de café fui colocando o granulado pelas beiradas.


Arrumei um caminho de croché bonito na mesa e olha como ficou lindo!



Vai um pedaço aí?